Se você sofre de doença renal crônica, com certeza já ouviu falar sobre o medicamento Ketosteril – isso porque ele é indicado principalmente aos pacientes com este tipo de problema de saúde. Neste texto, mostramos suas indicações, suas contraindicações e outras informações básicas essenciais de se conhecer antes do uso no tratamento da doença.

 

Para quem o Ketosteril é indicado e como ele funciona?

O Ketosteril é um comprimido de coloração amarela (de via oral) indicado para a prevenção e tratamento de danos causados pelo metabolismo devagar no caso de doença renal crônica. É indicado que o paciente, além da medicação, faça uma dieta proteica limitada a 40 gramas por dia – caso contrário, isso pode afetar o desempenho do medicamento dentro do organismo.

Para que possa cumprir o seu papel, o Ketosteril possui aminoácidos que ajudam na filtração dos rins doentes e que são fornecidos ao organismo.

Para quem o Ketosteril não é indicado?

O Ketosteril não é indicado a quem possui hipersensibilidade a algum de seus componentes, a quem possui hipercalcemia (nível elevado de cálcio no sangue) e também a quem possui distúrbios no metabolismo de aminoácidos.

Além disso, o medicamento também não é indicado a quem possui anorexia, hipertensão, doenças infecciosas graves, pericardite (infecção do pericárdio, membrana que reveste o coração), neurite (inflamação dos nervos), desnutrição, proteinúria grave (perda excessiva de proteínas na urina), entre outros.

É muito importante analisar as contraindicações do medicamento para que não haja nenhuma complicação maior depois de seu uso. Fique de olho!

Efeitos colaterais do medicamento

Durante o uso do Ketosteril, é possível que haja no organismo do paciente um aumento de cálcio no plasma sanguíneo, também conhecido como hipercalcemia. Caso aconteça algum problema além do comum, suspenda o uso do medicamento e entre em contato imediatamente com o médico para que ele dê uma solução para o caso.

A Doença Renal Crônica

A Doença Renal Crônica é uma disfunção que ataca um em cada 10 adultos e que provoca uma lesão nos rins, ocasionando a perda de suas funções, que basicamente são: a filtração das toxinas e substâncias que não são importantes para o funcionamento do organismo, a manutenção de líquidos e sais do corpo em níveis adequados, a produção de hormônios e o controle da pressão arterial.

Por ser uma doença que não costuma apresentar sintomas, a maioria dos pacientes não sabe que possui este problema. Por isso, é importante fazer um check-up regularmente e, se diagnosticado, o tratamento da doença em fase inicial previne os estágios mais avançados de aparecerem.

Informações importantes sobre indicações do Ketosteril

– O medicamento deve ser tomado durante todas as refeições para que possa absorver da melhor forma possível todos os aminoácidos dos alimentos.

– Para usar outros medicamentos junto com o Ketosteril, consulte o seu médico e veja se existe a possibilidade. Isso porque, se os outros remédios possuírem cálcio, o tratamento pode ser comprometido – o cálcio pode elevar a quantidade da substância no sangue.

– Além disso, se o paciente usa hidróxido de alumínio ou carbonato de cálcio, é indicado que suas doses sejam diminuídas pelo médico, já que o Ketosteril ajuda na melhora de sintomas urêmicos (sintomas relacionados à elevação de ureia no sangue).

– Para o uso em idosos, crianças e grupos de risco, não há nenhuma contraindicação. Porém, de qualquer forma, apenas o médico pode dizer se há viabilidade ou não do consumo deste tipo de medicamento.

– No caso de mulheres grávidas, a mesma coisa: o diálogo com o médico é essencial para evitar problemas futuros. Por isso, fale com seu médico que você está grávida ou que acredita estar, pois este não é um medicamento que deve ser utilizado por gestantes se não houver nenhuma orientação de um profissional da área da saúde.

Informações de manutenção e de uso do medicamento

O Ketosteril deve ser conservado em temperatura ambiente (de 15° a 30°), na embalagem original e em boas condições para que ele possa manter sua forma e seu poder de tratamento. O medicamento tem um prazo de validade de 36 meses (três anos) a partir da data de fabricação e não deve ser consumido caso esteja vencido.

É importante que o paciente siga as orientações do médico e que tome o remédio no horário combinado e na quantidade correta para que o tratamento seja eficaz. Caso o Ketosteril não seja usado da forma que deveria, isso pode comprometer o suprimento de nutrientes no organismo do paciente para mais ou para menos. Por isso, se você se esqueceu de tomar o remédio ou tomou uma quantidade maior do que deveria, entre em contato com o seu médico e veja com ele como proceder corretamente.

A Hera medicamentos é uma distribuidora especializada em vários remédios de várias especialidades diferentes. Caso esteja com dúvidas ou esteja procurando um medicamento específico, acesse o nosso site e entre em contato conosco!

Related Post

Conheça as funções do medicamento Ketosteril, funcionamento e indicações